Seguidores


Nenhum mal te atingirá, nenhum flagelo chegará a tua tenda, porque aos seus anjos Ele mandou que te guardem em todos os teus caminhos. ( Salmos )

3

3 Recados:

evilane casusa disse...

Olá vim conhecer seu cantinho e adorei, estou convidando para me visitar e se possível me seguir também, tem sorteio correndo la no blog viu, participa é bem facinho. Beijinhos aguardo vc.
http://evilane.blogspot.com.br/

Dilene Gomes disse...

Olá Siglea! passei para te deixar um abraço, dizer que estou aprendendo a ser blogueira e assim que estiver firme, farei minha inscrição para a carteirinha!! Bjuss uma linda noite.

Lenings Alves disse...

Seguindo o blog conforme as regras para o cadastramento.
Quero minha carteirinha,rsrsrs

http://lenings.blogspot.com.br/
http://facebook.com/LeningsBlog

Bjus

Postar um comentário

Dia 19 de Março - Dia do Artesão

Dia 19 de Março - Dia do Artesão
Minha poesia é inglória, vive em bancas incertas.
Do pódio e das vitórias, traduz histórias discretas.
Nos dizeres, incontida, minha poesia é de lua, às vezes, reza vestida às vezes, discursa nua.
Meu poema é artesanato.
E sai-me pronto das mãos.
Coso-o, com muito cuidado, cirzo-o, sem distração.
Às vezes, vem das sucatas de contas e velhos botões, de renda e fitas baratas, da fieira dos piões.
Que ressona atrás da porta, tem os pêlos de um cão, no final das linhas tortas traz pena, paina, algodão. Tem cores das violetas, pose de pedra-sabão.
Nas asas da borboleta, nem coloca os pés no chão.
O poema-artesanato traz ponto-cruz, bordaduras.
É sempre um simples retrato de uma notória figura. Retirado da net.


São José Carpinteiro.

São José Carpinteiro.