Seguidores


A Idade de Ser Feliz

1

A Idade de Ser Feliz

Existe somente uma idade para a gente ser feliz,
somente uma época na vida de cada pessoa
em que é possível sonhar e fazer planos
e ter energia bastante para realizá-las
a despeito de todas as dificuldades e obstáculos.

Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente
e desfrutar tudo com toda intensidade
sem medo, nem culpa de sentir prazer.

Fase dourada em que a gente pode criar
e recriar a vida,
a nossa própria imagem e semelhança
e vestir-se com todas as cores
e experimentar todos os sabores
e entregar-se a todos os amores
sem preconceito nem pudor.

Tempo de entusiasmo e coragem
em que todo o desafio é mais um convite à luta
que a gente enfrenta com toda disposição
de tentar algo NOVO, de NOVO e de NOVO,
e quantas vezes for preciso.

Essa idade tão fugaz na vida da gente
chama-se PRESENTE
e tem a duração do instante que passa.
desconhecido



Seja Feliz

0

Seja Feliz

Você não precisa ser melhor em tudo.
A perfeição é uma coisa que não está ao nosso alcance, aliás, acho que nunca ninguém soube dizer o que é perfeição.
A humanidade é perita em criar conceitos inatingíveis, e não devemos nos iludir com eles.
Sim, o reconhecimento e admiração daqueles que nos cercam é sempre bom, mas não é tudo na vida.
Teu sorriso, sim, é importante.
Tua paz, tua felicidade, e ela não deve depender dos outros, mas apenas de você.
Costumo dizer que não devemos tentar fazer ninguém feliz, mas fazer felizes a nós mesmos e, desta forma, quem estiver conosco estará feliz também.
Não faça nada esperando o sorriso de ninguém. Faça apenas esperando o teu sorriso, e no final de tudo você poderá comemorar extraordinariamente, mesmo que você esteja só – mas é difícil se estar só quando se está bem consigo.
Portanto, construa tua felicidade. A felicidade atrai.
Augusto Branco



SEJA FELIZ E PRONTO...

1

SEJA FELIZ E PRONTO...

A idiotice é vital para a felicidade. Gente chata essa que quer ser séria, profunda e visceral sempre.

A vida já é um caos, por que fazermos dela, ainda por cima, um tratado? Deixe a seriedade para as horas em que ela é inevitável: mortes, separações,
dores e afins.

No dia-a-dia, pelo amor de Deus, seja idiota! Ria dos próprios defeitos. E de quem acha defeitos em você.

Milhares de casamentos acabaram-se não pela falta de amor, dinheiro, sexo, sincronia, mas pela ausência de idiotice. Trate seu amor como seu melhor amigo, e pronto.

Quem disse que é bom dividirmos a vida com alguém que tem conselho pra tudo, soluções sensatas, mas não consegue rir quando tropeça?

Ha ha ha ha ha ha ha ha!

Alguém que sabe resolver uma crise familiar, mas não tem a menor idéia de como preencher as horas livres de um fim de semana?

É bem comum gente que fica perdida quando se acabam os problemas. E daí, o que elas farão se já não têm por que se desesperar?

Tudo que é mais difícil é mais gostoso, mas... A realidade já é dura; piora se for densa. Dura, densa, e bem ruim.

Brincar é legal. Entendeu?

Esqueça o que te falaram sobre ser adulto, tudo aquilo de não brincar com comida, não falar besteira, não ser imaturo, não chorar, não andar descalço, não tomar chuva.

Pule corda! Adultos podem (e devem) contar piadas, passear no parque, rir alto e lamber a tampa do iogurte.

Ser adulto não é perder os prazeres da vida - e esse é o único "não" realmente aceitável. Teste a teoria.

Uma semaninha, para começar. Veja e sinta as coisas como se elas fossem o que realmente são: passageiras.

Acorde de manhã e decida entre duas coisas: ficar de mau humor e transmitir isso adiante ou sorrir...

Bom mesmo é ter problema na cabeça, sorriso na boca e paz no coração!

Aliás, entregue os problemas nas mãos de Deus, confie e espere só NELE e pra relaxar que tal um cafezinho gostoso agora?

"A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios". "Por isso cante, chore, dance e viva intensamente antes que a cortina se feche".

Seja você mesmo sempre e VIVA A VIDA!!!!
Arnaldo Jabor

TRABALHANDO O DESAPEGO - BLOGAGEM COLETIVA DAS BLOGUEIRAS UNIDAS

25


Olá queridas amigas!
Tenho feito algumas organizações em minha casa e me surgiram várias duvidas em relação aos seguintes termos: APEGO, DESAPEGO, ACUMULO E ACUMULADORES. Para tirar minhas duvidas resolvi recorrer ao nosso querido amigo GOOGLE! Fiz algumas pesquisas e trouxe algumas definições  e fragmentos de textos que me ajudaram bastante. Desculpem, mas fui salvando e não copiei as fontes. Tenho certeza de que esta pequena pesquisa irá auxiliar a muitas pessoas que igualmente encontram-se trabalhando o desapego neste momento!
**APEGO**
A palavra “apego” é muito usada na religião budista. Os praticantes acreditam que este seja um defeito básico do ser humano que produz grande sofrimento. De acordo com o lama budista da linhagem tibetana Ningma e presidente do Centro de Estudos Budistas Bodisatva Lama Padma Samten, o problema não é possuir bens materiais e, sim, buscar satisfação nestes objetos.

Lembrança, papel, coleção e até lixo. Gostar de coisas que nos lembram algo feliz ou que lutamos para ter é bom. Jogar fora também!

**DESAPEGO**

Desapego é um dos pré-requisitos básicos para o equilíbrio físico, emocional e mental.
E ao final do processo, o desapegar-se traz um enorme crescimento interior!
O desapego é um pré-requisito para a realização plena do Ser.


**ACUMULO**

 Em alguns casos não existe exatamente sujeira, mas o acúmulo exagerado e empoeirado de itens como livros, revistas, ferramentas, recipientes diversos, produtos químicos, metais, madeira, móveis, materiais de construção, material elétrico e aparelhos eletroeletrônicos, obsoletos ou com defeito — daí o termo "juntador de velharias".

**ACUMULADORES**

Os acumuladores não necessariamente precisam manter o que têm porque amam aqueles objetos. Na verdade, eles apenas evitam decidir o que fazer por causa do medo extremo de tomar a decisão errada jogando essas coisas fora (por acharem que poderão precisar delas mais tarde, talvez).
Esta doença é de extrema crueldade, pois afasta amigos, afasta familiares e causa ao doente uma sensação de interminável vergonha pelo caos que se instala em sua casa, em sua vida. Dificultando a interação social.
É preciso quebrar o ciclo vicioso de acumular coisas desnecessárias.


Será que é possível aprender a se desapegar das coisas?

 O psicanalista e hipnólogo clínico Paulo Giraldes acredita que existem ações que facilitam este processo. “Estabelecer prazos para realizar uma faxina geral no quarto, por exemplo, pode ser um caminho. Acho que o mais importante de tudo é se perguntar, toda vez que estamos guardando algo, se aquilo tem utilidade. É preciso que a gente pare de fazer as coisas por inércia e comece a racionalizar nossas atitudes diárias”, ensina.



**MEU RELATO PESSOAL - MINHA VISÃO SOBRE MINHA CASA E TODAS AS LEMBRANÇAS E TRANQUEIRAS QUE GUARDO E QUE ESTOU TRABALHANDO PARA DESAPEGAR**

MEU APARTAMENTO É PEQUENO, DOIS QUARTOS, SALA, COZINHA, BANHEIRO, ÁREA DE SERVIÇO E UM PEQUENO BANHEIRO NA ÁREA.  SOU PROFESSORA E ARTESÃ E TENHO UMA FILHA DE OITO ANOS. ESTES DADOS SÃO IMPORTANTES PORQUE COMO PROFESSORA GUARDO MUITOS LIVROS, CADERNOS E MATERIAL FOTOCOPIADO, COMO ARTESÃ GUARDO CAIXAS E CAIXAS DE MATERIAL DE ARTESANATO, COMO MÃE COSTUMO ORGANIZAR E GUARDAR TODOS OS BRINQUEDOS DE MINHA FILHA E COMO MULHER GUARDO MUITA ROUPA PRINCIPALMENTE DO TEMPO DE MAGRA COM A ESPERANÇA DE ALGUM DIA RETORNAR AO PESO DE OITO ANOS ATRAS. 

 CONFESSO QUE SEMPRE TIVE UMA GRANDE DIFICULDADE EM ME DESFAZER DE TUDO O QUE  GUARDO E ORGANIZO COM TANTO CARINHO. PESQUISANDO SOBRE OS ACUMULADORES NÃO ME ENQUADREI NAS DESCRIÇÕES, MAS SEI O  QUANTO TUDO O QUE GUARDO ESTÁ TORNANDO O MEU LAR BASTANTE PESADO E CARREGADO DE UMA ENERGIA ESTRANHA! POR ESTE MOTIVO RESOLVI TRABALHAR O DESAPEGO E ESTOU RETIRANDO TODO O EXCESSO DE MEUS ARMÁRIOS E TENTANDO ORGANIZAR MELHOR TUDO O QUE PERMANECERÁ. 

INICIEI FAZENDO UMA LIMPA  NO BANHEIRO DA ÁREA DE SERVIÇO QUE ESTAVA CARREGADO DE COISAS INÚTEIS E LÁ COLOQUEI, EM TRÊS ESTANTES, QUE OCUPARAM AS TRÊS PAREDES, MEU MATERIAL DE ARTESANATO. NÃO FIQUEI SATISFEITA COM O RESULTADO, PORÉM TIREI UMA ESTANTE  CHEIA DE CAIXAS - DE MINHA SALA E MEU MATERIAL DE ARTESANATO ESTÁ EM UM ÚNICO LUGAR E NÃO MAIS ESPALHADO PELA CASA.

PASSEI PARA A COZINHA DE ONDE RETIREI, LOUÇAS QUE NÃO USAVA, POTES EM EXCESSO E ATÉ ALIMENTOS QUE OBSERVEI QUE NÃO UTILIZARIA. NÃO CONSEGUI ME DESFAZER DE UMA COLEÇÃO DE BULES DE PORCELANA QUE FORAM DE MINHA MÃE. SÃO LEMBRANÇAS QUE AMO E USO PARA DECORAR O TOPO DE MEU ARMÁRIO.

MINHA SALA SEM O ARMÁRIO CARREGADO DE CAIXAS FICOU BEM MELHOR E AGORA PRECISO RESOLVER O PROBLEMA COM O  EXCESSO DE LIVROS. TENHO MUITAS COLEÇÕES DE LIVROS DIDÁTICOS, MUITOS LIVROS EVANGÉLICOS, LITERATURA EM INGLÊS E PORTUGUÊS, REVISTAS DE ARTESANATO E MUITOS CDS DE FILMES. TENHO DOIS COMPUTADORES SENDO QUE UM ESTÁ FORA DE USO E NA VERDADE SÓ USO O NOTEBOOK. PRECISO ME DESFAZER DE GRANDE PARTE DE MEUS LIVROS E DE NO MÍNIMO UM DOS COMPUTADORES.

EM MEU QUARTO FOI O MAIOR LOCAL DE MEU DESAPEGO INICIAL! COLOQUEI OS ARMÁRIOS LITERALMENTE ABAIXO. A PRINCÍPIO RETIREI SANDÁLIAS,  SAPATOS, BOLSAS E BOTAS PARA DOAR  E DEPOIS PASSEI PARA AS ROUPAS. CONFESSO QUE TENHO ALGUNS VESTIDOS DE FESTA E TERNINHOS DE TRABALHO QUE SÃO DE MARCA E ESTÃO SEI NOVOS, ESTES NÃO TIVE CORAGEM DE COLOCAR PARA DOAÇÃO. TIVE VONTADE DE ME DESFAZER DE ROUPAS DE CAMA E BANHO, MAS NÃO TENHO CONDIÇÕES DE COMPRAR COISAS NOVAS NO MOMENTO. VOU DOAR APENAS DOIS EDREDONS UM DFE SOLTEIRO E UM DE CASAL.

NO QUARTO DA MINHA FILHA, MUDEI OS MÓVEIS ORGANIZEI O ROUPEIRO AS GAVETAS DE MATERIAL ESCOLAR E OS BRINQUEDOS. JUNTAS RESOLVEMOS QUE VAMOS VISITAR UM ORFANATO E DOAR - ANTES DA PÁSCOA - MUITOS BICHINHOS DE PELÚCIA E  BONECAS.

NO BANHEIRO, RETIREI ESMALTES VENCIDOS, BATONS FORA DE USO E ALGUNS VIDROS VAZIOS DE PERFUME.

OBSERVEM QUANTA COISA FOI PARA DOAÇÃO!
OS LIVROS EU AINDA ESTOU ORGANIZANDO!


SEI QUE AINDA VAI FICAR MUITA COISA GUARDADA, MAS O IMPORTANTE É QUE CONSEGUI INICIAR A MUDANÇA EM MIM E NA MINHA CASA. TRABALHAR O DESAPEGO NÃO É NADA FÁCIL E APESAR DE CONTINUAR GUARDANDO ALGUMAS COISAS  ESTOU ME SENTINDO MAIS LEVE E MINHA CASA ESTÁ COM NOVOS ARES.



O QUE FICOU PARA ORGANIZAR E SELECIONAR E QUE TEREI QUE ME DESFAZER DEFINITIVAMENTE:

LEMBRANÇAS DE PESSOAS QUERIDAS E QUE TEREI UMA GRANDE DIFICULDADE DE ME DESFAZER. NÃO VALE RIR DE MINHA LISTA!

- UMA ENORME CAIXA DE DVDS ANTIGOS, FILMES DA DISNEY E MUITOS DOCUMENTÁRIOS QUE ERAM DE MINHA MÃE;
- UMA CAIXA DE FITAS CASSETE, INCLUSIVE FITAS DA SECRETÁRIA ELETRÔNICA DE MINHA MÃE  ( AMO ESCUTAR ESTAS FITAS E OUVIR A VOZ DE MINHA FALECIDA MÃE E DE MEU FALECIDO AVÔ - SINTO COMO SE ELES ESTIVESSEM JUNTO A MIM MAIS UMA VEZ );
- CARTAS DE MEU AVÔ E DE MINHA MÃE;
- TRÊS SACOLAS DE FOTOS ANTIGAS ANTERIORES A MINHA INFÂNCIA;
- MAIS DE QUARENTA ÁLBUNS  DE FOTOS - DA INFÂNCIA - DOS MEUS FILHOS MAIS VELHOS.

TENHO QUE TRABALHAR O DESAPEGO COM ESTES OBJETOS NO SENTIDO DE QUE AS MELHORES LEMBRANÇAS ESTÃO EM MINHA MEMÓRIA.

ESTOU EM BUSCA DA HARMONIA, DA SAÚDE, DO EQUILÍBRIO 
E DA PAZ EM MEU LAR!


SUGIRO A TODAS QUE TRABALHEM O DESAPEGO E VERÃO QUANTAS COISAS GUARDAMOS SEM NECESSIDADE!


LEIAM UM FRAGMENTO DE UM TEXTO  E DEPOIS LEIA O TEXTO 
NA ÍNTEGRA NESTE LINK:

http://www.luzdaserra.com.br/1865/acumuladores-guardando-o-passado-em-objetos/



Nossa casa é como uma orquestra, todos os objetos são instrumentos dela e nós o maestro. Existem objetos que precisam ser reordenados, assim como um instrumento musical deve permanecer entre os mesmos, a fim de produzir um som uníssono, esse quando longe, provoca um desequilíbrio onde ele esteja. Além disso, é possível que tenhamos instrumentos para mais de uma orquestra em casa e quando isso acontece é hora de repensar porque guardamos esses instrumentos, que nada tem a ver com a música que queremos que toque em nossa casa.
Qual a música que queremos que toque em nossa casa? Afinal, o que queremos para nosso lar? Uma música que emane a paz, harmonia, equilíbrio... As origens dos objetos podem promover uma guerra invisível em um primeiro momento dentro de casa. Quem sai perdendo? Quem mora dentro dela. A história de origem de cada uma desças peças brigam para conquistar seu lugar neste espaço chamado casa. O resultado, uma verdadeira sinfonia desafinada que provocará em nós, moradores de lá, nenhuma vontade de ouvir, repulsa, desequilíbrio. Em outras palavras, nenhuma vontade de voltar, de permanecer em casa. Algumas vezes, não temos outra opção e precisamos ficar, nesses casos, a consequência é bem delicada para quem está nessa situação, a pessoa tende a sentir que algo não está bem, um cansaço estranho, perturbações no sono, alterações no seu humor, comportamentos diferentes nos integrantes desse lar.

**MUITO IMPORTANTE**
NESTA PARTE DO TEXTO ME ENQUADREI DEVIDO AS LEMBRANÇAS QUE GUARDO DE MINHA MÃE E DE MEU AVÔ.

De tempos em tempos é preciso exercer o desapego e com coragem doar, repassar ou mesmo vender o que não pertence a nossa orquestra, o nosso lar. Dá muito trabalho? Com certeza. É necessário? Não, é fundamental para o equilíbrio, a saúde e a qualidade de vida de todos os integrantes dessa casa. Por mais que nos assombre o passado, que sejamos saudosistas é preciso reunir forças e guardar excessos de fotos (em especial de entes queridos que já se foram), minimizar a quantidades de objetos nos ambientes, passar a diante roupas que não usamos... Enfim, organizar a bagunça que nós mesmos deixamos nascer e se instalar em nossa casa.

Praticar o desapego é acreditar que o que se possui verdadeiramente nunca se perde, sempre está aqui e, quando compartilhado, aumenta, não diminui. O apego nos mantém prisioneiros. O desapego liberta. É preciso coragem para aliviar a bagagem que carregamos ao longo da vida. Seja ela de bens materiais que já não usamos mais como também de crenças e pensamentos cristalizados ou obsoletos.E, se o antigo não serve mais, como abrir espaço para o novo? Abrindo mão do que pode ir embora sem deixar saudades.


PARA QUEM LEU TODA A MINHA POSTAGEM, DEIXO MINHA GRATIDÃO E ACONSELHO A TRABALHAREM O DESAPEGO!

ABRAÇOS!!


24 toques para ser mais feliz. - Roberto Shinyashiki

1


01 - Seja ético.

A vitória que vale a pena é a que aumenta sua dignidade e reafirma valores profundos. Pisar nos outros para subir desperta o desejo de vingança.

02 - Estude sempre e muito.

A glória pertence àqueles que têm um trabalho especial para oferecer.

03 - Acredite sempre no amor.

Não fomos feitos para a solidão. Se você está sofrendo por amor, está com a pessoa errada ou amando de uma forma ruim para você. Caso tenha se separado,curta a dor, mas se abra para outro amor.

04 - Seja grato(a) a quem participa de suas conquistas.

O verdadeiro campeão sabe que as vitórias são alimentadas pelo trabalho em equipe. Agradecer é a melhor maneira de deixar os outros motivados.

05 - Eleve suas expectativas.

Pessoas com sonhos grandes obtêm energia para crescer. Os perdedores dizem: "isso não é para nós". Os vencedores pensam em como realizar seu objetivo.

06 - Curta muito a sua companhia.

Casamento dá certo para quem não é dependente.

07 - Tenha metas claras.

A História da Humanidade é cheia de vidas desperdiçadas: amores que não geram relações enriquecedoras, talentos que não levam carreiras o sucesso, etc. Ter objetivos evita desperdícios de tempo, energia e dinheiro.

08 - Cuide bem do seu corpo.

Alimentação, sono e exercício são fundamentais para uma vida saudável. Seu corpo é seu templo. Gostar da gente deixa as portas abertas para os outros gostarem também.

09 - Declare o seu amor.

Cada vez mais devemos exercer o nosso direito de buscar o que queremos (sobretudo no amor). Mas atenção: elegância e bom senso são fundamentais.

10 - Amplie os seus relacionamentos profissionais.

Os amigos são a melhor referência em crises e a melhor fonte de oportunidades na expansão. Ter bons contatos é essencial em momentos decisivos.

11 - Seja simples.

Retire da sua vida tudo o que lhe dá trabalho e preocupação desnecessários.

12 - Não imite o modelo masculino do sucesso.

Os homens fizeram sucesso a custa de solidão e da restrição aos sentimentos. O preço tem sido alto: infartos e suicídios. Sem dúvida, temos mais a aprender com as mulheres do que elas conosco. Preserve a sensibilidade feminina - é mais natural e mais criativa.

13 - Tenha um orientador.

Viver sem é decidir na neblina, sabendo que o resultado só será conhecido, quando pouco resta a fazer. Procure alguém de confiança, de preferência mais experiente e mais bem sucedido, para lhe orientar nas decisões, caso precise.

14 - Jogue fora o vício da preocupação.

Viver tenso e estressado está virando moda. Parece que ser competente e estar de bem com a vida são coisas incompatíveis. Bobagem ... Defina suas metas, conquiste-as e deixe as neuras para quem gosta delas.

15 - O amor é um jogo cooperativo.

Se vocês estão juntos é para jogar no mesmo time.

16 - Tenha amigos vencedores.

Aproxime-se de pessoas com alegria de viver.

17 - Diga adeus a quem não o(a) merece.

Alimentar relacionamentos, que só trazem sofrimento é masoquismo, é atrapalhar sua vida. Não gaste vela com mau defunto. Se você estiver com um marido/mulher que não esteja compartilhando, empreste, venda, alugue, doe... e deixe o espaço livre para um novo amor.

18 - Resolva!

A mulher/homem do milênio vai limpar de sua vida as situações e os problemas desnecessários.

19 - Aceite o ritmo do amor.

Assim como ninguém vai empolgadíssimo todos os dias para o trabalho, ninguém está sempre no auge da paixão. Cobrar de si e do outro viver nas nuvens é o começo de muita frustração.

20 - Celebre as vitórias.

Compartilhe o sucesso, mesmo as pequenas conquistas, com pessoas queridas. Grite, chore, encha-se de energia para os desafios seguintes.

21 - Perdoe!

Se você quer continuar com uma pessoa, enterre o passado para viver feliz. Todo mundo erra, a gente também.

22 - Arrisque!

O amor não é para covardes. Quem fica a noite em casa sozinho, só terá que decidir que pizza pedir. E o único risco será o de engordar.

23 - Tenha uma vida espiritual.

Conversar com Deus é o máximo, especialmente para agradecer. Reze antes de dormir. Faz bem ao sono e a alma. Oração e meditação são fontes de inspiração.

24 - Muita Paz, Harmonia e Amor... sempre!
Roberto Shinyashiki

TILDA RUIVA DE KIMONO BORDADO - UMA PAIXÃO - PRESENTINHO QUE GANHEI - Gisele do blog "Gi Arte e Design"

2
Olá queridas amigas!

Hoje venho mostrar o presente que ganhei da amiga blogueira Gisele do blog "Gi Arte e Design".

http://giarteedesign.blogspot.com.br/search/label/Tildas#.UR23hR2-2uI






AMEI MINHA TILDA ELA É ENCANTADORA! 

RUIVINHA E DE KIMONO UMA PAIXÃO!


EU ESTAVA NA PRAIA - EM FÉRIAS - E MINHA TIA 

RECEBEU O CARTEIRO, IMAGINEM MINHA FELICIDADE 

AO CHEGAR E RECEBER O PACOTE!!

OBRIGADA QUERIDA GISELE!



ESPIEM E NÃO DEIXEM DE SEGUIR O BLOG DA GI!

LEMBREM!
GENTILEZA, GERA GENTILEZA!

http://giarteedesign.blogspot.com.br/search/label/Tildas#.UR23hR2-2uI





FELIZ CARNAVAL PARA TODAS AS BLOGUEIRAS UNIDAS!

3









Nasci em Portugal, mas me criei no Brasil e, portanto, considero-me brasileira. O local do nascimento não importa, nem sequer o sangue. O que importa é o que os americanos chamam de "environment", a influência do país e dos costumes em que vivemos, se bem que sempre existe um grau de gratidão e fidelidade aos pais que nos geraram. 


Da minha parte, sou mais carioca, mais sambista de favela, mais carnavalesca do que cantora de fados. O sangue tem uma certa importância, mas só no temperamento, não na maneira de sentir as coisas.

[Carmen Miranda] 




Máscara Negra

Los Hermanos

Quanto riso, ah, quanta alegria
Mais de mil palhaços no salão
O Arlequim está chorando pelo amor da Colombina
No meio da multidão

Foi bom te ver outra vez
Ta fazendo um ano
Foi o carnaval que passou
Eu sou aquele Pierrot
Que te abraçou e te beijou meu amor
A mesma máscara negra que esconde seu rosto
Eu quero matar a saudade

Vou beijar-te agora
Não me leve a mal,
Hoje é carnaval


EU VISTO ESTA CAMISETA! SE VOCÊ VESTE COMPARTILHA!

4
VOCÊ É BLOGUEIRA UNIDA?
COMPARTILHE - ESTA IMAGEM - NO FACE 
E NO SEU BLOG!


VOCÊ SABE QUE TEMOS UM GRUPO NO FACEBOOK?
PARTICIPE!
SOMENTE DIVULGAÇÃO DE BLOGS DA
 PARCERIA BLOGUEIRAS UNIDAS!
http://www.facebook.com/groups/487626181259013/

PARA QUEM É BLOGUEIRA UNIDA E  QUER APROXIMAR OS LAÇOS!
PARTICIPE DE NOSSO GRUPO DE INTERAÇÃO! 
SOMENTE INTERAÇÃO!!


QUER PARTICIPAR DE NOSSO GRUPO DE INTERAÇÃO?
DEIXE SEU COMENTÁRIO COM NÚMERO DE IDENTIFICAÇÃO - NA PARCERIA BLOGUEIRAS UNIDAS - NESTA POSTAGEM!

ESPIE AS LINDAS INTERAÇÕES QUE 
FAZEMOS - EM CONJUNTO - NESTE LINK:
http://www.blogger.com/blogger.g?blogID=3492039445725847916#allposts


BEIJOCAS!


Dia 19 de Março - Dia do Artesão

Dia 19 de Março - Dia do Artesão
Minha poesia é inglória, vive em bancas incertas.
Do pódio e das vitórias, traduz histórias discretas.
Nos dizeres, incontida, minha poesia é de lua, às vezes, reza vestida às vezes, discursa nua.
Meu poema é artesanato.
E sai-me pronto das mãos.
Coso-o, com muito cuidado, cirzo-o, sem distração.
Às vezes, vem das sucatas de contas e velhos botões, de renda e fitas baratas, da fieira dos piões.
Que ressona atrás da porta, tem os pêlos de um cão, no final das linhas tortas traz pena, paina, algodão. Tem cores das violetas, pose de pedra-sabão.
Nas asas da borboleta, nem coloca os pés no chão.
O poema-artesanato traz ponto-cruz, bordaduras.
É sempre um simples retrato de uma notória figura. Retirado da net.


São José Carpinteiro.

São José Carpinteiro.